sexta-feira, 19 de setembro de 2008

PALHAÇO SEM GRAÇA!

Era só o que faltava?
Pura palhaçada!
- Mãos ao alto!!
- É palhaçada?
- Não, é um assalto!!
Isso nem é mais novidade, sempre somos assaltados desde a hora de sair de casa até a hora de chegar de volta, depois de um dia inteiro de trabalho!
Mas desta vez é armado, com uma espingarda, que bem provavelmente eu já usara lá naquele parquinho em frente ao prédio redondo de Peruíbe, quem não conhece?
Já dei uns tiros por lá, sempre tentando conseguir um urso de pelúcia, mas o máximo que consegui até hoje foi uma Mirabel, que chega à minha mão com um afundamento lateral, tamanha a pressão da arma, já se esfarelando toda.
Já não bastassem os palhaços de colarinho branco e chapa preta, que nos roubam dia-a-dia, até nosso sagrado horário nobre, sabem por que se chama horário nobre?
Mesmo que você saia do seu trabalho, pontualmente às 18 horas, dificilmente você consegue chegar antes das 21 horas, por isso é chamado de nobre, só eles estão em casa tranqüilos para ver a televisão. Nós ainda temos que chegar fazer o jantar, cuidar dos filhos e ainda dar uma arrumada na casa, que apesar de estarmos o dia todo fora, ela está sempre bagunçada.
Mas deixa estar, na verdade se conseguir chegar cedo, será obrigado a ver e ouvir coisas absurdas, como a FREE WAY do Paulo, o PLUS, o CEU (será o Roberto Carlos, “eu te darei o CÈU meu bem...?”), mas o campeão disso tudo é ficar ouvindo, acreditar e torcer para que seja verdade que um deles cumpra a promessa.
Eu não sei não, mas tem gente esperando o Kassab, encher o copinho!
Com o leite do rótulo amarelinho!

quarta-feira, 17 de setembro de 2008

DOMINIO PÚBLICO

Uma bela biblioteca digital, desenvolvida em software livre, mas que está prestes a ser desativada por falta de acessos. Imaginem um lugar onde você pode gratuitamente: · Ver as grandes pinturas de Leonardo Da Vinci ; · Escutar músicas em MP3 de alta qualidade; · Ler obras de Machado de Assis ou a Divina Comédia; · Ter acesso às melhores historinhas infantis e vídeos da TV ESCOLA · Aprender português e muito mais.... Esse lugar existe! O Ministério da Educação disponibiliza tudo isso, basta acessar o site: www.dominiopublico.gov.br Acesse e confirme. Só de literatura portuguesa são 732 obras! Estamos em vias de perder tudo isso, pois vão desativar o projeto por desuso, já que o número de acesso é muito pequeno. Vamos tentar reverter esta situação, divulgando e incentivando amigos, parentes e conhecidos, a utilizarem essa fantástica ferramenta de disseminação da cultura e do gosto pela leitura.

terça-feira, 16 de setembro de 2008

Brasil em primeiro!

Dia 15 de Setembro, mais conhecido como ontem, foi um dia para ficar na história, sempre ficando em posições nada atraentes em todos os quesitos possíveis o Brasil se superou.
Sempre que rola um pesquisa ou se faz algum levantamento de qualquer que seja a estatística, o Brasil sempre figura entre os últimos, talvez situasse-ia entre os primeiros, caso fosse levantada o tamanho da corrupção, do desemprego, da precariedade da saúde pública ou da violência.
Mas desta vez não!!
O Brasil apareceu no topo da lista mundial, na Economia!
Foi a maior queda registrada nas bolsas de todo o mundo, com negativos 7,59 pontos percentuais, foi um marco histórico até então.
Vamos comemorar, por isso!
Há 20 anos atrás caso isto ocorresse, estaríamos nós brasileiros, hoje dia 16 de Setembro, destroçados, sem chão e sem previsão de retomada no crescimento, mas ainda continuamos projectando o aumento da nossa economia em 5% em 2008.
Mas hoje podemos dizer, que não estamos amarrados aos Estados Unidos, temos nossa economia sólida e independente e que somos capazes de segurar a onda.
O Ministro da Economia, falou com propriedade do assunto e o jornal havia mostrado números para nos deixar tranquilos.
A nossa dívida externa é quase 8 vezes menor que há 20 anos, nosso PIB muito mais elevado e nossa moeda forte, onde R$ 1 vale U$ 0,54 , quem diria?
As bolsas caem, a valorização da Petrobras e a Vale, que são as grandes empresas brasileiras na bolsa e que puxam para baixo ou para cima o índice Ibovespa, caem , mas a economia continuam bem, sem maiores preocupações a curto prazo.
Mas cuidado, se você tem ações, não venda agora; se você quer comprar ações, não compre agora; espere o vendaval passar.
E para nós simples mortais, plebeus, sem lenço e sem documento, nada de entrar em dividas a longo prazo, isso poderá ser desastroso, principalmente agora que bancos quebraram, por financiarem a tão sonhada casa própria, os bancos aqui no Brasil que estão fazendo este tipo de contrato, com certeza irão rever seus conceitos de créditos e podem até apelar para taxas abusivas, por isso cautela, espere e guarde um pouco mais as suas economias.
Hoje já fechamos o pregão em alta, apesar de toda a turbulência lá fora, pois ontem, enquanto o ministro falava, as bolsas asiáticas já abriam em quedas, Hong Kong, Tóquio e Coréia, todas na casa de 5,5% negativos.
Afinal de contas, para um País que já está acostumado com quedas, numericamente crescente, começando com queda de um, cinco, sete, com queda de quatro, cinco, sete e de sete, cinco, sete, o que é uma queda de sete, cinco, nove?
Mas estas quedas são para outra história, que poderia ser contada por quem, na época das quedas , disse ao povo " Relaxa e goza!", agora ela deve estar em queda nas pesquisas!

segunda-feira, 15 de setembro de 2008

LIXO ÚTIL

LIXO ÚTIL

Este meu dia estava sendo um lixo!
Mas resolvi torna-lo útil!
Sai do meu trabalho e fui me encontra com a turma, terceiro Alpha, no Shopping, fazer compras? Sair com várias sacolas plásticas, que depois demoram anos para se degradarem? Nada disso!!!
Fui exatamente aprender o que pode ser feito com estas sacolas, que vão para o meio-ambiente e contribuem para um mundo detonado, sujo e fragilizado pela cultura irracional da maioria absoluta da população mundial.
Foi lá, e tão somente lá, que tomei conta de que com atitudes simples, podemos mudar o mundo e tentar resgatar o que de melhor há nele.
As pessoas que se apresentaram falando de reciclagem, falam com amor naquilo que fazem, é paixão pelo o que produzem e repassam para a população racional e minoritária do saturado planeta Terra.
Terra essa, que recebe toneladas de lixo não-orgânico todos os dias em todo o mundo, que fica sem destino jogado a sorte nas grandes cidades e simplesmente desprezada nas cidades menores, que por muitas vezes não contam com um sistema de coleta de lixo e talvez nem disponha de centros de triagem para a reciclagem.
A reciclagem por si só, não resolvera o problema do planeta, mas ameniza.
Existe lixo jogado na praia, na rua e em todo o lugar que se possa ter o acesso do homem, que deveria zelar pelo meio, mas simplesmente ignora.
Não apenas o lixo incomoda, tem com isso a proliferação de insetos e doenças.
Tudo isto acarreta em um maior gasto publico, gasto este que poderia ser destinado a obras e infra-estrutura para atender a população.
Fora que podemos fazer economia em casa, com simples mudanças no cotidiano nosso de cada dia, como diminuindo o tempo do banho, fechando torneiras e consertando vazamentos, reduzindo assim o consumo de energia, que está diretamente associado a gastos desnecessários de água e energia, usados para produzir energia.
Foi muito útil minha visita ao lixo!




Rogério Gonzaga

UMA VERDADE??

UMA VERDADE? MAIS QUE INCOVENIENTE!!!
O documentário “Uma Verdade Inconveniente” incomoda. A começar pela duração. Também choca, (se demorasse mais um pouco, nasceria um pintinho) inquieta, impressiona. Mas não deveria. Justamente porque essa tal verdade é tão óbvia, clara e visível, que já deveria fazer parte das mais diversas ações locais e globais. Basicamente, é um documentário sobre as palestras dadas por um cidadão norte-americano, mescladas a relatos de suas experiências de vida. O que faz toda a diferença é que essas palestras são sobre o aquecimento global e quem as faz é um ex-vice-presidente, Al Gore (se escreve assim mesmo?) deixando de ser apenas um cidadão norte-americano ou um Vice-presidente, falando de Política. Tema que talvez ele não domine tão bem, quanto parece dominar sobre o aquecimento global. Al Gore, tentando levar informação às pessoas, sensibilizando-as para essa questão ambiental. Passou a realizar, ao redor do mundo, apresentações didáticas, com muitas referências com base em pesquisas científicas, o que dá mais credibilidade ao seu discurso e ajuda a fazer com que mais pessoas acreditem mais no que ele apresenta. Até hoje, Gore fez mais de 1000 apresentações como essas, aja vontade de difundir o conhecimento adquirido por anos de vivência no meio. Através de uma linguagem simples e direta, Al Gore envolve o público com sua retórica. Mostra slides, gráficos, fotografias, animações. Ás vezes chega a ser irônico, descontraindo o público e espectadores. As fotos apresentadas são fortemente apelativas, como o desaparecimento de água e gelo de diversas paisagens da Terra. Cenas reais captadas por anos de pesquisas e que são na verdade a mostra de que tudo o que Al Gore diz, é a mais pura verdade. Caso não sejam tomadas atitudes extremas, a coisa ficará cada vez pior.
“Você está pronto para mudar seu modo de vida?”.
Pensem com carinho, pois algumas atitudes podem fazer toda a diferença!!




Rogério Gonzaga