quinta-feira, 4 de novembro de 2010

A velha infância

Poxa!


Passou um filme pela cabeça!

Estreou hoje um filme bacana, Tubarão, mas me disseram que o Daniel San é mais legal, o Robocop não é gay, como diz Os Mamonas, mas a música O Passageiro, reflete o dia-a-dia, o Cotidiano do mestre Chico, e estamos sempre correndo. O comercial na tv, menciona que "o tempo passa, o tempo voa" e o poeta diz, que ele não pára(nesta época anda se usava o acento de diferenciação), vou desligar o computador(isso não existe ainda), vou assistir a novela, ver o Leal Maia chamar a Vera Fischer de: - Minha Deusa!, nesta Mandala da vida, vamos vivendo!

Vai ter eleição presidencial, a primeira depois do regime, será que um dia teremos uma mulher na presidência? Viagem!

E por falar em viagem, terá excursão pra Boqueirão no domingo e segunda feriadão, baile da Chic Show. Nossa vida é assim, daria um outro filme, "De ida para o passado".

Nosso dinheiro é bacana, ouço meu pai chegar em casa e dizer que este mês recebeu apenas, 200 mil de salário, poxa pra que mais do que isso? Ele deve ter outra família, porque sempre fica devendo o aluguel, parece aquele moço da TV, que vive fugindo do dono da casa, o Seu Madruga, mas vou pedir um troco pra ele.

- Pai, me dá dinheiro pra comprar Dip´lik, tomar uma Crush, comprar um Kichute e comer um Lollo! Prometo que não mexo no seu 3 em 1!

Ainda sobrou uma moeda, vou no fliper...

Bacana, score 3.567.765, vem final 5, vem final 5! Não veio!

GAME OVER.





Este texto, foi inspirado na obra de Ana Paula Rossi...... http://www.santamulher1.blogspot.com/